Vendedor de gibi é álbuns de figurinhas, um explorador?

Vendedores de gibis e álbuns de figurinhas: somos grandes vilões, bandidos que querem explorar o pobre colecionador?
Amigos, produtos de colecionismo possuem vários custos, não apenas da revista(s) que compramos, mas do transporte, da alimentação, da hospedagem, claro do esforço físico de andar com muitos gibis no lombo.
Vejo muita gente criticar os meus preços e de amigos mas nenhuma dessas pessoas imagina o trabalho de logística que fazemos para conseguir determinada revista.
Um caso curioso aconteceu comigo com figurinhas da COPA 2014:
um rapaz perguntou os preços de minhas figurinhas no face, reclamou, disse que tava caro, era exploração, um absurdo vender mais caro que o preço da banca.
Não o mandei para o lugar que merecia por educação, mas vamos lá, quem trabalha com figurinhas, sabe o trabalho monstro que é abrir milhares de pacotinhos, separar figurinha por figurinha, demoro horas, então tenho de cobrar sim o meu trabalho, afinal, vai pegar o produto pronto.
Quanto a gibis e álbuns, pensa que é fácil ficar abaixado separando revistas? Negociando?
Enfrentar chuva e sol?
Então, antes de escrever besteira, pergunte a quem trabalha com isso o trabalho que dá para vender um determinado produto.
Tem muito blogue, gente dita “especializada” que só sabe criticar mas não conhece o mercado do colecionismo.
André Luiz Aurnheimer.
Sebo da Bidi,uma nova geração em artigos colecionáveis.

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s